.textos recentes

. Táxi solar

. E somos nós o país mais s...

.arquivos

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

Segunda-feira, 3 de Novembro de 2008

Táxi solar

 Veículo está hoje em Paris

“Táxi solar” está prestes a terminar a sua volta ao mundo 

03.11.2008 - 14h23 AFP
O chamado “táxi solar”, veículo de dois lugares com painéis fotovoltaicos, está prestes a terminar uma volta ao mundo histórica, uma iniciativa destinada a demonstrar a fiabilidade desta tecnologia limpa. Hoje esteve em Paris e foi recebido no Ministério do Desenvolvimento Sustentável.

O “táxi solar” é a primeira viatura a percorrer o mundo utilizando apenas energia solar.

Louis Palmer, quem concebeu o projecto, partiu da Suíça a 3 de Julho do ano passado e já percorreu mais de 47 mil quilómetros, atravessando a Europa, Ásia, Austrália, Nova Zelândia e América do Norte.

“Não paguei um cêntimo por gasolina”, salientou Palmer. Além disso, não emitiu um grama de dióxido de carbono. “Desde a partida só perdemos dez dias para fazer uma reparação”, explicou.

O veículo foi construído por técnicos de quatro escolas de engenharia na Suíça, é alimentado a cem por cento por energia solar produzida através dos seus painéis solares - instalados num atrelado de cinco metros de comprimento - ou por electricidade para recarregar as baterias. Neste segundo caso, o equivalente da energia usada é produzido por painéis solares instalados no telhado da Swisscom, perto de Berna, para tornar a operação neutra em emissões. O veículo tem uma autonomia de 400 quilómetros, a uma velocidade de 90 quilómetros/hora.

“Não estou dependente da meteorologia. Pode chover vários dias a fio”, garantiu Palmer.

O veículo já foi testado pelo príncipe Hassan da Jordânia, pelo secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, pelo “Mayer” de Nova Iorque, Michael Bloomberg e pelo príncipe Alberto do Mónaco. Hoje, o veículo foi parar às mãos do ministro francês do Desenvolvimento Sustentável, Jean-Louis Borloo, que deu umas voltas ao edifício do seu ministério.

Uma especificidade do veículo é o seu volante que se desloca na horizontal, o que permite que também o passageiro possa conduzir.

Palmer visitou hoje vários construtores automóveis, com a Peugeot, Renault e Dassault. “Se uma grande marca quiser a ideia, estaremos prontos”, garantiu.

Depois de Paris, o “táxi solar” vai para Londres, Berlin e Poznan, na Polónia, onde vai “assistir” à conferência da ONU sobre clima, de 1 a 12 de Dezembro.
sinto-me:
publicado por ehgarde às 14:50
ligação do post | comentar | favorito
|
Sábado, 7 de Junho de 2008

E somos nós o país mais solarengo da Europa!!!

Terça-feira, 3 de Junho de 2008

Suíça amiga do ambiente

Stade de Suisse Wankdorf, em Berna (©Euro 2008 SA)
Parte da energia utilizada no Stade de Suisse Wankdorf, em Berna, será oriunda de painéis solares colocados na cobertura do recinto (©Euro 2008 SA)
 

Os estádios, as Fan Zones e as Arenas UBS na Suíça vão utilizar energias renováveis, respeitando a política de sustentabilidade ambiental definida para a fase final do UEFA EURO 2008™.

Certificado de "estrela natural"
Para além da enorme eficiência energética, o fornecimento de "energia verde" é um dos pontos-chave da estratégia de sustentabilidade do UEFA EURO 2008™. Foram efectuados grandes esforços de forma a permitir a utilização de electricidade proveniente de fontes renováveis, certificadas como "estrela natural" pela associação suíça de electricidade amiga do ambiente (VUE), em colaboração com importantes fornecedores de energia.

Subsídio "verde"
Os estádios em Basileia, Berna, Genebra e Zurique e as Fan Zones oficiais nas cidades anfitriãs vão funcionar com energia verde, certificadas como "estrela natural". A Euro 2008 SA, empresa criada para organizar a fase final da competição, apoia o fornecimento de energia amiga do ambiente aos estádios com um subsídio de cinco mil francos suíços por jogo (cerca de 3100 euros). O mesmo sucederá nas Fan Zones com o apoio das cidades anfitriãs e dos fornecedores e operadores de energia.

Energia solar
Os estádios e Fan Zones abastecidos com electricidade amiga do ambiente necessitarão de aproximadamente 850 mil Kwh, o equivalente ao consumo anual de 200 famílias. Um terço da energia consumida pelos estádios será gerado por painéis solares instalados nos telhados dos recintos em Basileia, Berna e Zurique. O restante será oriundo de outras
centrais eléctricas solares, eólicas e hidráulicas com o certificado de "estrela natural".

sinto-me:
publicado por ehgarde às 19:27
ligação do post | comentar | favorito
|

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Março 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.tags

. todas as tags

.ligações

blogs SAPO

.subscrever feeds