1 comentário:
De João C.Costa a 22 de Abril de 2008 às 10:04
É pena é que A Quercus lamente a “incapacidade” do país implementar o Programa Nacional para as Alterações Climáticas.
Por duas razões: porque a Quercus também faz parte do país mas sobretudo porque as suas propostas para a área dos transportes sejam tão limitadas a mais do mesmo ( e nalguns casos do mais caro o que ainda dificulta mais as coisas ).
O que era preciso mesmo era investir para aumentar a biodiversidade nas organizações ambientalistas ...

Comentar texto